CONCRETO RECICLÁVEL

08 julho 2016

Sempre que é executada uma construção ou quando é feita uma reforma, na maioria das vezes acaba ficando aqueles entulhos, no qual muitas vezes não sabemos o que fazer com eles. O concreto e o cimento são os materiais mais populares de uma construção. Podemos arriscar e dizer que eles são a base de qualquer tipo de construção e também os que mais geram resíduos.

Na busca por alternativas que possam amenizar problemas como este, foi promovido a reciclagem do insumo destes materiais. Esclarecendo que não é o concreto e sim o agregado que entra na composição da nova concretagem que é reciclado. Esse agregado é adquirido por meio dos resíduos de construção e demolição (RCD), tais como fragmentos de concretos, argamassas, cerâmicas, tijolos, blocos e outros, obtidos por meio da britagem, operações de separação ou beneficiamento.

O PROCESSO DE RECICLAGEM DO CONCRETO

Processo de quebra inicial

O concreto é primeiramente quebrado através de técnicas tradicionais de demolição, incluindo britadeiras, bolas de demolição e explosivos. Ele é reduzido em pedaços que variam de 75 a 120 cm. Esses pedaços devem estar livres de contaminantes maiores como lixo, madeira, vidro e outros materiais. Este concreto já quebrado é levado às centrais de reciclagem em caminhões grandes ou até mesmo máquinas portáteis são trazidas à área de demolição para realizar o processo de reciclagem no local.

Trituração

Após passar pelo processo de quebra inicial o concreto passa por outro processo no qual os resíduos são triturados em um britador equipado com várias laminas, onde o resultado é uma mistura que parece com areia, mas é um pouco mais grossa, que será empregada na produção do um novo concreto.

Reutilização

O agregado de concreto reciclado é misturado ao agregado de concreto virgem (areia, água e cimento) para fazer um concreto fresco. O concreto com material reciclado é geralmente usado como camada de base para projetos de construção, contudo, não existem especificações dizendo onde o concreto reciclado pode ou não ser usado. O concreto reciclado é mais leve e forte do que o concreto convencional, ele ajuda a minimizar os custos em cerca de 20% a 30% mais barato e ainda reduz os impactos ambiental na construção.

A reciclagem pode ser uma das formas mais eficientes para a redução da poluição ambiental nas grandes cidades, vindo a contribuir para a melhoria da qualidade de vida da população. Além das vantagens econômicas e ecológicas, o reaproveitamento do concreto garante benefício técnico, onde pode substituir até 25% dos agregados convencionais por reciclados sem alterar as propriedades mecânicas.

No Brasil, onde as técnicas de reciclagem já estão a mais de 20 anos em desenvolvimento, só é reciclado cerca de 5% do entulho gerado em obras, mas já há registros de edificações que optaram pelo concreto reciclado, por exemplo, em Belo Horizonte, São Paulo, Osasco, Rio de Janeiro e Curitiba.

Para mais informações, entre em contato com a ARQCRUZ Engenharia. Teremos o máximo prazer em responder a todas as suas dúvidas.